terça-feira, março 31

Cumpridores do que RECEBE !

Na espreita, encostada na janela observando a rua, as pessoas, percebi tanto...
Eu ouvia: "... não importa o lugar, sei que sou visto por Ti... Sou amado por Ti... Sou aceito por Ti" e os olhos continuavam a passar pelo mundo.


Prostitutas, ambulantes em fuga, crianças e adultos deitadas nas ruas, polícia, ladrão...
E refleti sobre tanta coisa que é NECESSÁRIA.


Reconhecer o amor de Deus e ser Ele pra quem ?
Como ?

Reconhecer o amor de Deus, é ter fé, acreditar em Suas palavras e no Seu cuidado. Não são sensações... É dia-a-dia, teti-a-teti [rs], em detalhes que para ninguém parece importante, somente pra você e Ele sabe, e faz questão de ajudar, e logo, mostrar quão pequeno é realmente o detalhe, nossos desesjos; que a realização, concretização não é o que faz amor, nem a preocupação...

Amor é mais !

Sabe, "suja" como os da rua, em "fuga" como os ambulantes, me "vendendo" como quem ?!

Ainda assim, não importa a condição, Ele se importa sobre tudo de/em nós !

Ele realmente se importa e se mostra presente SEMPRE, mesmo que não notamos... Mesmo quando achamos que não ! rs

Então, nesse momento lembrei de palavras lindas que li a pouco tempo:

"Como retribuirei esse amor... e Ele me chama pra dançar !"

PUTZ...

Retribuir é fazer pelo próximo o que RECEBE e dançar é seguir no ritmo dEle.

Devemos amor e o melhor que fizermos ainda é pouco...

Limpemos com água [palavra], quebremos grilhões, mostremos o Esconderijo, digamos para os vendidos que já foram comprados...

"E sede cumpridores da palavra, e não somente ouvintes, enganando-vos com falsos discursos".
Tiago 1. 22

Reconheçamos nosso despautério... Por Ele !

2 comentários:

Canteiro Pessoal disse...

Olá "novata" [risos] em Parceiros de escrita, seu escrito foi espetacular.
A propósito, estou impressionada por seu espaço "Por Ele"; voejei alguns instantes GENEROSOS... eheh, e !?
Creio que será de grande arma suas letras para cativar a muitos adormecidos, também, particularmente, aprenderei muito contigo. Sinto-me honrada e agraciada por fazeres parte deste espaço; abrir o leque é mesmo muito saboroso.

Ave rara, Paula, beijos milll...

Andy disse...

Puxa, que espaço legal... =]
Não tive tempo ainda de ler todos os textos...
Mas achei muito bacana esse primeiro...

Parabéns aí pela iniciativa... =)